Verdes e Lokos na decisão

Categoria Olé Chuteira 2

Favoritos, Villa Verde e Atlético Lokomotiv sabiam que teriam adversários duríssimos. Villa Grano e Olimpo foram melhores e isso é indiscutível, mas ambos caíram na prorrogação. Talento e uma considerável dose de sorte definiram os finalistas.

No duelo dos Villas, o Verde esteve próximo da classificação no tempo normal, mas quem apertou durante quase todo o segundo tempo foi o Grano. Um gol de Raspanti no último minuto, num chute de longe que encontrou espaço para morrer no canto esquerdo do arqueiro, levou a partida à prorrogação. Seriam mais 10 minutos de jogo antes das penalidades ou um gol de ouro encerraria a partida.

O Villa Verde já somava 5 faltas e qualquer infração daria o shoot-out ao Villa Grano, mas o gol derradeiro não poderia ser mais cruel: depois de acertar nada menos do que 4 bolas na trave, sendo duas no mesmo lance em finalização de Chuqui, o Villa Grano viu sua eliminação acontecer em um gol polêmico. Faltando 2 minutos para o fim do jogo, Tarek acertou um belo chute do meio da rua, carimbou o travessão e a bola caiu dentro da meta antes de sair. Gol difícil de ser anotado pelo árbitro, mas o dono do apito não teve dúvidas e apontou o centro assim que a bola tocou o solo. Fim de jogo: 4-3, reclamação do time amarelo e festa do verde!

VILLA VERDE 4-3 VILLA GRANO
Gols: Leandrinho, Mineiro, Gu e Tarek (VV); Gui (2) e Raspanti (VG).
Cartões amarelos: Gu (VV); Salles (VG).

O segundo jogo teve ingredientes muito parecidos. O Olimpo pressionou bastante durante o tempo regulamentar, mas o Lokomotiv foi cirúrgico e aproveitou muito bem as chances que teve. O jogo caminhava para o término com um 5-4 a favor do Olimpo, mas Neto salvou os lokos aos 18 minutos. Era o 2º gol do camisa 21 na partida e o destino ainda reservava para ele o lance decisivo. Com 5-5, fomos para a prorrogação e o Olimpo continuou mais perigoso. Assim com o Villa Grano, acertou a trave rival e quase matou o jogo. Quem salvou o Lokomotiv? Neto, matador, apareceu muito bem dentro da área e, de letra, mandou o Olimpo para casa. O último invicto da competição superou seu maior desafio até agora e está na decisão!

ATLÉTICO LOKOMOTIV 6-5 OLIMPO
Gols: Neto (3), Juninho (2) e Zezé (AL); Olavo (2), Saad, Robinho e Guilherme (O).
Cartões amarelos: Romeu e Barleta (AL); Guilherme (O).

Villa Verde e Lokomotiv voltam a se encontrar na Olé. Na 3ª rodada, vitória atleticana por 3-1. Teremos mais um campeão invicto, repetindo o feito do Catado no campeonato anterior? Ou o Villa Verde fará valer a força da torcida para bater o único time que o derrotou? Sábado que vem, dia 03/12, a resposta virá. A partida está marcada para as 12h30, na G5.